Um sujeito estava sentado na primeira fila de um daqueles espetáculos majestosos e caríssimos da Broadway onde, normalmente, os ingressos são vendidos com vários meses de antecedência, quando um rapaz ao ver uma poltrona vazia entre eles, comenta:
- Que coisa esquisita! Um lugar desses vazio?! Você pode acreditar que alguém paga uma fortuna por um lugar desses e não aparece no espetáculo?
O homem responde:
- Na realidade, esse lugar era da minha mulher, mas ela faleceu!
- Oh, meus pêsames - desculpa-se o vizinho. - Mas os senhor não poderia ter dado o ingresso para um amigo ou um parente?
- Infelizmente não! Estão todos no enterro!